Coopermota - Notícia
INFORMAÇÃO || NOTÍCIA
Palestras e oficinas abordam a importância da qualidade de vida
Palestras e oficinas abordam a importância da qualidade de vida
SIPAT 2018 / 13/11/2018
   Ações que interferem diretamente no rendimento e na satisfação no trabalho
 
   Uma série de palestras, teatros e oficinas abordaram temas relacionados à prevenção contra acidentes de trabalho no cotidiano da Coopermota, durante a Semana Interna de Prevenção de Acidentes (Sipat-2018) nas cidades de Cândido Mota e Palmital. Na ocasião, além das iniciativas que trouxeram subsídios para a reflexão dos colaboradores sobre a necessidade de cuidados específicos na execução das ações no ambiente de trabalho para evitar acidentes, também foram incluídas atividades que destacaram a importância do bem-estar pessoal e a qualidade de vida para uma vida profissional mais satisfatória, tanto no que se refere às questões individuais quanto coletivas.
   Na programação, estiveram palestras sobre a importância da atividade física, sobre segurança nas organizações e ergonomia, com atenção à situações que desencadeiam danos à saúde do trabalhador, além da defesa de prevenção à diabetes e às doenças sexualmente transmissíveis, bem como o controle da pressão arterial, entre outros. A vice-presidente da Cipa/Coopermota, Rejane Tibúrcio comenta que foram várias abordagens distintas aglutinadas sobre o tema da qualidade de vida que, segundo ela, interfere diretamente no rendimento e na satisfação no trabalho.
   Com a proposta de aproximação dos colaboradores que atuam em diferentes departamentos da cooperativa, as “Danças circulares e os jogos cooperativos” despertaram a análise dos participantes sobre situações de enfrentamento a desafios que podem ser superados de maneira coletiva, tendo a perspectivas de resultados mais positivos em detrimento a atividade individualizada.
   A monitora da oficina, Rosângela Rosa, da Obios KV, apresenta os benefícios que a oficina propõe. “Dentro de um ambiente cooperativo, as danças circulares e os jogos cooperativas vêm como uma experiência lúdica de entrega do corpo, da mente, das emoções, dos sentimento e sensações, com a proposta básica de trazer autoconhecimento e a percepção de como a gente está nas nossas interrelações. Com isso, a gente acaba se percebendo de uma maneira muito diferente, que a gente não se percebe no dia a dia. É uma atividade em que a gente se diverte, dança e joga cooperativamente, estimulando valores muito importantes como a criatividade, a cooperação, o respeito, a amorosidade e muitos dos valores que a gente acaba abdicando deles numa rotina muito automática. É uma experiência incrível que eu sugiro que todos façam parte dela em algum momento”, explica.
   A semana foi finalizada com a apresentação do teatro “Efeito borboleta”, com os atores João Matos, Gisele Farias e Ricardo Sousa, da empresa “Segurança e Arte”, especializada em teatros corporativos. A partir desta experiência artística, os atores despertaram risos e emoções ao trazer ao centro do palco, os desafios de convivência pessoal e profissional que afetam a vida dos trabalhadores. Os atores destacam que muitos se reconhecem nas cenas do espetáculo, o que aumenta a empatia do público frente ao tema abordado.
  Ao final de todas as atividades, a Cipa sorteou uma bicicleta entre os colaboradores participantes da programação da Sipat. O nome sorteado pelo superintendente comercial, Sandro Amadeu, foi o do colaborador do Centro de Distribuição, Rafael Cassemiro. Ele comenta que já tinha uma bicicleta, com a qual vai todo dia ao trabalho, contudo, destaca que esta já estava quebrada. “Veio em boa hora!!”, diz.
COMPARTILHE
© Coopermota 2018 | Todos os direitos reservados
Matriz: 18 3341-9400